Universidade do Minho  

           
 
  Autenticação/Login
 
home
Contactos
Mapa do Site
   
  imprimir
 
voltar 
Atribuição do Prémio Victor Sá de História Contemporânea - 2017
Salão Nobre da Reitoria, Largo do Paço, Braga - 15:00 terça-feira, 21-11-2017
O Prémio Victor de Sá de História Contemporânea, é o Prémio nacional de maior prestígio para jovens investigadores em História Contemporânea Portuguesa
  Atribuição do Prémio Victor Sá de História Contemporânea - 2017  
 
Reuniu hoje o júri do Prémio de História Contemporânea,  que foi presidido pelo Professor  Viriato Capela, da Universidade do Minho e que contou como vogais, com o Professor António Pires Ventura, da Universidade de Lisboa e  o Professor Rui Bebiano, da Universidade de Coimbra.
Trata-se de um Prémio  instituído há 26 anos pelo Doutor Victor Sá, para premiar trabalhos de investigação  sobre História Contemporânea de Portugal, que distingue  jovens investigadores e que se tornou o mais prestigiado Prémio, nesta área a nível nacional. 
A concurso estavam 9 obras, quase na totalidade teses de doutoramento,  numa edição muito participada como aliás já se vem tornando um hábito, o que demonstra quer o prestígio alcançado quer a vitalidade da historiografia portuguesa  contemporânea.
Os premiados em 2017 apresentaram-se a concurso com teses de doutoramento e foram os seguintes:
 
1º Prémio
Cláudia Sofia Ninhos da Fonseca, com a obra, «Para que Marte não afugente as Musas» A política Cultural Alemã em Portugal e o Intercâmbio Académico (1933-1945).
 
Menção Honrosa
- José Pedro Pinto Monteiro, com a obra A internacionalização das políticas laborais "indígenas" no império colonial português (1944-1962).
 
No próximo dia 13 de  Dezembro, pelas 15 horas, no Salão Nobre da Reitoria ocorrerá a sessão pública da atribuição dos Prémios bem como a apresentação do trabalho vencedor.
 
voltar 
 
© Universidade do Minho - 2017 Optimizado para 1024x768 IE 8.0  - Termos Legais  - actualizado por CC Símbolo de Acessibilidade na Web D.